• R. Paraíba, 492 - S Cristóvão, Lages, SC
  • (49) 3223-1840

Blog

  1. Início
  2. Blog
image description

   É contribuinte autônomo a pessoa física que exerce, por conta própria, atividade econômica de natureza urbana, com fins lucrativos ou não. O contribuinte individual, que exerce atividade remunerada é obrigado a pagar as contribuições previdenciárias.

   No entanto, surge a dúvida se vale a pena ou não pagar mensalmente o INSS, com relação aos benefícios que serão recebidos.

   Por se encaixar na categoria de trabalho informal, o INSS garante ao segurado autônomo benefícios como: salário-maternidade; auxílio acidente; pensão por morte, aposentadoria especial ou por idade; auxílio invalidez e também auxílio doença.

   Algumas mudanças segundo a Reforma da Previdência foram feitas referente a porcentagem que deve ser paga: a) salario de contribuição igual a um  salário mínimo, a  contribuição  será  de 11%, b)  salário de contribuição acima de um salário mínimo, a contribuição será de 20%..

   Para pagar seu INSS como contribuinte individual são necessários quatro passos: fazer a inscrição no Meu INSS, podendo ser o número do  (PIS), escolher o tipo de contribuição, preencher a Guia da Previdência Social (GPS)e fazer o pagamento da mesma.
Contribuir com o INSS como autônomo pode dar um pouco de trabalho na primeira vez, mas acredite, vale a pena! Você garante uma aposentadoria para o futuro, e esse dinheiro será um reforço importante no seu orçamento.